Um café maduro

Sexo, Drogas E Rock'n Roll

Vamos trocar o café da manhã por um café da tarde hoje? Diferente do café matinal que é pra acordar e dar o pique do dia, o café da tarde é pra relaxar e, quem sabe, renovar as energias.

Pode levar a mesma quantidade de água e pó, ter a mesma temperatura, mas não será igual. Trará sempre outras sensações, do dia já vivido, das irritações e alegrias que já perfilaram dançantes diante de nós, etc.

Falam tão bem da maturidade, que podemos acreditar que seja como esse café da tarde. Assim quer acreditar o escrevente da coluna SDR. Pela primeira vez a chegada do seu aniversário, que sempre era antecedida por uma semana de ansiedade e momentos de luta contra a sua velha arqui-inimiga depressão, veio tranquila.

Veio suave como o aroma de uma tarde outonal, com abraços e o aconchego da família. Fatores externos ao contrário do que dizem não interferem na metamorfose da luta já citada. Porém internamente favorável, tudo o que está a seu redor ganha um perfume especial.

Atualizando assim para a versão 4.0 do seu sistema operacional nativo, parte para novas descobertas e sabores. Sem criar grandes expectativas, mas sempre grato ao caminho que pode percorrer até aqui, buscando sempre melhorar em relação a si mesmo e com o próximo.

Sexta-feira, 11 de Novembro de 2016

Sobre o Escritor

Cass Aquino

Jornalista, ator e Palestrante de oficinas sobre comunicação e artes. Bacharel em Comunicação Social Formado em Jornalismo no ano de 2010 pela Universidade do Vale do Itajaí. Foi ator do grupo de teatro de pantomíma Gibbor por mais de 15 anos.

Escreve às sexta.

Comentários